Dica da semana: Oficina de Customização de Mobiliário com Motu em Porto Alegre

A dica que separamos para o mês de agosto está imperdível.

Nos dias 22 e 29 de agosto, vai acontecer a Oficina de Customização de Mobiliário com o artista MOTU, lá na Calafia Art Store

Para a oficina, uniram-se o artista Motu, a Ksulo Design de Interiores e a Calafia Art Store e a proposta é : Customizar o criado-mudo da Ksulo com as técnicas que o Motu vai ensinar no dia

A ideia foi proporcionar a oficina com a finalidade de unir a arte com o design de mobiliário e possibilitar a participação do aluno no processo de produção do móvel  antes de levar pra casa.

Quem aqui não corre todas as lojas da cidade para encontrar o móvel perfeito com a sua cara?

A Oficina de Customização:

A Oficina de Customização de Mobiliário com Motu, acontece esse mês na Calafia Art Store, com um móvel poduzido pela Ksulo Design de Interiores
A Oficina de Customização de Mobiliário com Motu, acontece esse mês na Calafia Art Store, com um móvel poduzido pela Ksulo Design de Interiores; tem a produção da Paxart.

Nesta oficina o aluno vai receber as orientações de criação para a superfície do criado mudo junto ao artista MOTU, e cada aluno terá uma pasta com desenhos em perspectiva do móvel para poder fazer um projeto, testar cores e formas, e etc., e a partir daí botar a mão na massa. A oficina acontecerá em dois dias , e no final, depois de uma confraternização, o aluno leva pra casa o seu móvel customizado!

Quem são eles? 

MOTU ArtWorking

Moisés Tupinambá, também conhecido como Motu, tem um trabalho icônico com linhas urbanas de identidade contemporânea. Influenciado pela cultura pop, tem traço anarquicamente bem humorada e com significados subliminares.

Graduado em Design Gráfico pelo Saddleback College na Califórnia em 2008 e atualmente cursa Artes Visuais na Universidade Federal do Rio Grande do Sul(UFRGS).

Ksulo Design de Interiores

A Ksulo Design de Interiores é uma nova marca no mercado do design Porto Alegrense desde fevereiro de 2015, que tem como objetivo o ecodesign e a sustentabilidade.

Idealizada pela designer Talita Demartini Gomes, é ela quem cria e executa os projetos, sempre buscando envolver o cliente no processo de criação e definição dos projetos.   Foi a Talita quem criou o criado-mudo que será usado na Oficina.

O mais interessante no trabalho da Ksulo é que a produção é toda artesanal.

É a Talita quem produz as peças em seu estúdio. É ela quem cria e produz cada peça buscando novas leituras para o reuso de casa material, como:  madeira, compensado, metal, vidro, borracha, entre outros.

Confira o vídeo que a Talita fez produzindo o móvel lá no seu estúdio,  clicando aqui

Calafia Art Store

Da idéia de unir arte e design surge a Calafia Art Store, uma loja conceito buscando estreitar o trabalho e o relacionamento de artistas contemporâneos com admiradores e clientes.

Uma galeria “pocket” que reúne em seu acervo trabalhos originais, produções limitadas e produtos assinados. Tudo isso para quem busca exclusividade e alta qualidade.

E para quem prefere fazer com as próprias mãos, a Calafia  oferece  materiais de ótima qualidade e oferece cursos com profissionais de diversas áreas onde quem produz é você em colaboração direta com os artistas.

Quero saber mais sobre a Oficina! 

O que é? 

Oficina de Customização de Mobiliário com Motu.

Onde? 

Sede do Translab na Rua Professor Duplan, 148, Rio Branco em Porto Alegre/RS.

Quando? 

22 e 29 de agosto

Investimento? 

R$ 390,00.

Pode parcelar em 3x no cartão .

* Não inclui material de pintura mas você pode comprar lá na loja no dia.

Inscrições? 

Na loja da Calafia ou no site www.calafia.com.br

Quero conhecer melhor a Calafia Art Store

Avenida Independência 1211, Loja 23 – Galeria Moinhos de Vento (esquina com Rua Ramiro Barcelos), Porto Alegre – RS

Aberto de segunda à  sexta das 10:30hs às 18hs e Sábados das 10:30hs às 17hs

Telefones: (51) 3108.1057 ou (51) 8222.4849 / (51) 9507.3275

Site: calafia.com.br

e-mail: atendimento@calafia.com.br

Quero conhecer melhor o trabalho do Motu! 

Facebook: Motu Arts

Site: motuvision.com

Quero conhecer melhor a Ksulo Design de Interiores! 

e-mail: talita.ksulo@gmail.com

Fone: (51) 9365-5516 com Talita Demartini.

Facebook: /KsuloDesigndeInteriores

Instagram : @ksulo_di

O Motu, a Ksulo e a Calafia Art Store ficam em Porto Alegre/RS.

Para esse post acontecer, colaboraram: Ksulo Design de Interiores e Talita Demartini .

Fotos: Talita Demartini e divulgação.

Texto: Rubyane Borba com colaboração de Talita Demartini.

Todo o conteúdo do blog é feito com muito amor e carinho. <3

Visamos sempre levar conteúdo confiável e autoral.

Compartilhe com amor. Dê créditos para quem produz. <3

Cozinha dos Sonhos – Parte 4 – O Resultado: O antes e o depois.

Foi cansativo? Foi! 

Deu trabalho? Um pouco… mas nem tanto quanto imaginávamos. 

Sujou? Só um pouquinho

Gastaram muito? Não. Tudo foi calculado direitinho para nenhuma conta extrapolar. 

Ficou do jeito que vocês queriam? SIIIIM! <3 

E ficou lindo?…. 

Hummm…. Deixa eu mostrar pra vocês.

Vamos começar pelo ANTES e DEPOIS:

Segurem-se,  a mudança foi grande. 😀

A entrada da cozinha. Por coincidência, Dona Lindinha resolveu sair na foto ANTES e DEPOIS.
A entrada da cozinha. Por coincidência, Dona Lindinha resolveu sair na foto ANTES e DEPOIS.

A entrada da cozinha. Por coincidência, Dona Lindinha resolveu sair na foto ANTES e DEPOIS. 🙂

A nossa bancada com backsplash novinho e armários superior semi-aberto.
A nossa bancada com backsplash novinho e armários superior semi-aberto.

Nossa bancada com backsplash de azulejinhos de metrô <3 , armário superior com portas de correr e semi-aberto e armário da bancada adaptado. Além disso, a viga se tornou uma parede-lousa.

Tudo mudou.
Tudo mudou.

Acreditem se quiser: É a mesa cozinha, o mesmo balcão. O buffet foi todo reformado e pintado por mim.

A vista da lavanderia.
A vista da lavanderia.

Essa cozinha finalmente ganhou alma. Nada que um pouco de cor não resolva.

O que acharam?

Contem para gente. A gente quer saber a opinião de vocês.

Veja mais detalhes da cozinha clicando nas fotos e abrindo a galeria:

Acompanhe toda a história da cozinha AQUI:

Parte 1 – A cozinha de antes. 

Parte 2 – O projeto e o conceito. 

Parte 3 – A reforma. 

Aqui é o cantinho do amor e a gente agradece SIM:

Muito obrigada a Eládio Ferreira Fotografia que não só me ajudou na obra, como também registrou o antes e o depois.

Obrigada, Lucas, por ter sujado as mãos com a gente 🙂

Obrigada, vocês… que lêem e assinam a nossa newsletter e que conseguiram esperar todo esse tempo parra conhecer a cozinha. <3

Obrigada, Erika Karpuk, por ter permitido compartilhar suas receitinhas de parede bonita com a gente <3

<3
<3

Todo o conteúdo do blog é feito com muito amor e carinho. <3

Visamos sempre levar conteúdo confiável e autoral.

Compartilhe com amor. Dê créditos para quem produz. <3

Cozinha dos Sonhos – Parte 3 – A reforma.

Hoje é dia de falar sobre o processo de reforma e as soluções que encontramos para manter o nosso orçamento equilibrado e as medidas que tomamos para fazer a obra sem incomodar os vizinhos e aproveitar tudo o que tínhamos disponível.

Lá vão algumas das soluções que encontramos:

As paredes:

As paredes eram completamente cobertas com azulejos e estavam desnivelados e pintados com tinta epóxi. Não queríamos quebradeira porém os azulejos estavam firmes e fortes e ainda muito bem conservados.

O que fizemos?

Não queríamos de jeito nenhum quebradeira, barulho e entulho dentro de casa. Sempre ouvi dizer que tinta epóxi é ótimo para os azulejos – E REALMENTE É – porém, os nossos não estamos bem nivelados e já tinha pintura epóxi neles.

Um dia, pesquisando soluções de como cobrir azulejos, conheci a Erika Karpuk, uma designer MA-RA-VI-LHO-SA que trabalha com conceito de #ObraLimpaNaDecoração e tem um canal no YouTube chamado EKTUBE .

Sabe quando tu encontras a luz no fim do túnel? Foi assim que a Erika entrou na minha vida e junto com ela, a afirmação de que SIM, podemos fazer uma obra limpa e econômica e com resultados maravilhosos.

Se vocês tiverem disposição e um pouco de habilidade, podem fazer sozinhos, assim como ela ensina e assim como nós três fizemos – Obrigada Eládio e Lucas pela ajuda 😀

Erika Karpuk ensina: Como cobrir azulejo com efeito pintura ou cimento queimado

O trabalho é muito fácil. Só recomendo muito braço para lixar e máscara para não aspirar muito pó.

A gente resolveu pintar a parede com tinta acrílica na cor turquesa. E ficou maravilhoso o resultado.

Aproveitamos, também, que a lavanderia é anexada à cozinha e revestimos o azulejo dela. E a cor escolhida foi coral para conversar com a cozinha.

Iluminação: 

Tínhamos só um ponto de luz. Resolvemos criar uma luminária suspensa com três pontos de luz e colocar lâmpadas de led..

Buffet:

O buffet de MDF era revestido com revestimento melamínico branco. Resolvi reformar sozinha. Tirei o revestimento velho, lixei, apliquei massa para madeira para suavizar as falhas e lixei bastante novamente até uniformizar a superfície. Apliquei duas demãos de tinta esmalte acetinada para madeira e finalizei com verniz brilhante. Dei mais umas lixadas nos cantos  para ganhar um  ar mais envelhecido.

Parede da pia: 

Na parede da pia acima da bancada e em toda a região do fogão, escolhi um revestimento cerâmico do estilo subway tiles  – que é aquele famoso retangular conhecido como “azulejo de estação de metrô – branco. Para o acabamento, escolhemos rejunte epóxi na cor preta para dar um contraste com a cerâmica e deixar bem impermeável.

Para aplicar esse rejunte, você deve seguir à risca todo procedimento do fabricante. Esse rejunte é bastante resistente para aplicar, precisa de trabalho rápido e definitivo, caso contrário, o revestimento pode ficar manchado. Porém esse rejunte tem um acabamento lisinho lindo e deixa bem impermeável.

Armários superior e reforma do bancada:

A estrutura da nossa bancada é de alvenaria. Nada poderia ser mexido. Adaptamos um dos lados com duas gavetas deslizantes – pois o balcão é bem profundo – e trocamos as portas.

Para a bancada da pia, escolhemos o metacrilato vermelho brilhante.

Ainda para manter o conceito de cozinha aberta, o armário superior foi feito com estrutura de MDF com acabamento no corpo na cor branca e somente duas portas em metacrilato turquesa. Assim o armário fica semi-aberto e as portas deslizam pros dois lados, permitindo que fique parte exposto e parte aberto.

No caso dos armários, fiz o projeto e levei para uma loja de móveis planejados, que executou a produção dele. Aproveitamos a estrutura de alvenaria sem quebradeiras e o granito.

Eis o projeto do armário que desenhei e levei para a loja de planejados confeccionar. Aqui, a vista do interior do armário
Eis o projeto do armário que desenhei e levei para a loja de planejados confeccionar. Aqui, a vista do interior do armário
Eis o projeto do armário que desenhei e levei para a loja de planejados confeccionar.
Eis o projeto do armário que desenhei e levei para a loja de planejados confeccionar.

E qual foi a parte sustentável desse projeto de armários?

O outro armário superior estava em perfeito estado, anunciamos a venda na internet e vendemos por um valor razoável para que tivesse saída rápida e que pudéssemos incorporar o valor no orçamento da obra.

Vista dos armários
Olha como o armário estava em boas condições! Pena que eu não alcançava nada. O novo dono que é bem alto ficou bem feliz 😀

Resultado: A pessoa que comprou ficou muito feliz com as condições que estavam o armário e com o valor, porque ela tava precisando muito e não tinha condições de comprar um zero na loja e nem de gastar muito. Além disso, nós não ficamos com um armário estragando jogado no canto e nem produzimos resíduos de obra.

Ficamos felizes.

Armário de ferro e pés do balcão-buffet:

A ideia de ter um armário de ferro multiuso foi uma das primeiras para a cozinha. Pesquisei muito sobre e nada do que encontrei me deixou satisfeita – Tanto valor como desenho-.

Em Recife, existem ferreiros maravilhosos e tivemos a recomendação de um profissional muito bom. Não hesitei. Juntei algumas referências, fotos e rabiscos e levamos pra ele executar.

Resultado: Que trabalho maravilhoso. Fizemos um armário com as medidas que queríamos e com os detalhes que pensei. Encomendei ainda, 6 bases de ferro em arabescos para instalar no buffet.

E assim: FICOU DO JEITO QUE EU SONHAVA <3

A base de ferro que desenhei já executada pelo ferreiro.
A base de ferro que desenhei já executada pelo ferreiro.
A base de ferro que desenhei já executada pelo ferreiro.
A base de ferro que desenhei já executada pelo ferreiro.
Rabiscos do armário de ferro.
Rabiscos do armário de ferro.

Espaço dos temperos e utensílios: 

Nesse espaço queríamos deixar os utensílios de cozinha e os temperos à vista. Para isso usamos algumas prateleiras aramadas  – essas de home center mesmo – suspensas em alguns trilhos e ganchos.

E aqui vai uma amostra de como a nossa cozinha estava ganhando cor e alma:

A cozinha ganhando cor.
A cozinha ganhando cor.

E então, o que acharam?

Comentem.

Enquanto não sai o resultado de tudo isso, você pode conferir :

A cozinha de antes

O projeto e o conceito.

Deixo aqui meu MUITO OBRIGADA, para a Erika Karpuk, que acredita no poder no compartilhamento e sempre disponibiliza o seu tempo para dialogar com quem acompanha o seu trabalho, por ter compartilhado esse conteúdo conosco e por permitir que eu compartilhasse com vocês seus ensinamentos.

Sou fã de carteirinha do trabalho dela e acredito muito nessa corrente do bem que ela propõe toda vez que compartilha o seu trabalho que é feito com muito carinho. <3

Fotografia: Rubyane Borba.

Todo o conteúdo do blog é feito com muito amor e carinho. <3

Visamos sempre levar conteúdo confiável e autoral.

Compartilhe com responsabilidade. Dê créditos para quem produz. <3

Nossa cozinha está ficando cada dia mais linda…. e com a nossa cara!

Sim.

É gostoso demais poder cozinhar numa cozinha onde tudo está ao alcance das mãos. A gente vai juntando os temperinhos, encontrando os utensílios certos.

Vou dizer: É UMA DELÍCIA! 

Depois de colocar todos os sonhos da cozinha ideal no papel e logo depois tirar do papel com suas próprias mãos, cozinhar ganhou um novo sentido.

Adoramos a cozinha. Estar na cozinha. Sentir a luz natural entrando e preparando as coisas gostosas e fresquinhas que adoramos.

O melhor de tudo é poder ter tudo sempre às mãos.

Aqui vai um aperitivo dessa mágica: O cantinho dos temperos. Cantinho esse que ganhou um toque todo especial com o saleiro e o pimenteiro em formato de filme fotográfico que recebemos dos nossos amigos, Patrice Fróes do blog Bico Fino e Salto Alto,   www.bicofinoesaltoalto.com.br  e do seu esposo, Leandro Lara, da Bendito Presente,  www.facebook.com/benditopresenteviamao

Espaço dos Temperos.
Espaço dos Temperos.

Só pra dizer que ADORAMOS demais o presente :).

Obrigada.

P.S: A Bendito Presente fica em Viamão/ RS. 😉

Verde Azulado ou Azul Esverdeado?

Chegamos à última semana do ano e, também, ao último post do ano.

Nós últimos dois meses, mergulhei de cabeça no projeto de reforma da Cozinha. Trabalhamos muito até agora e precisamos de uns dias para recuperar o fôlego.

Com essa vibe de resoluções de fim de ano e expectativas pro ano que chega, resolvi falar de cores.Sim. Cores. As cores que nos transmitem milhares de sensações.

Vou falar da estrela do nosso projeto: O verde azulado ou o azul esverdeado.

Adoro turquesa. Acho o turquesa uma cor fresca, gostosa. Eu acho uma maravilha estar lá na sala de jantar e ver essa cor na parede da cozinha. É uma delícia.Estar cercada pelas suas cores preferidas é uma coisa sem preço.  Não pensei duas vezes em usá-la nesse projeto.Já tinha uma paleta de cores definida mas contei com a ajuda do Paletton, para melhor visualizar a minha escolha.

DICA: Use o Paletton apenas como consulta. Lembre-se que as cores no computador, são diferentes de cores aplicadas em materiais reais. Sempre, sempre confira as cores dos materiais pessoalmente. 

Estamos amando essa cor aqui em casa.

Vou dar uma palhinha e mostrar um dos cantinhos :

Uma pitadinha dessa cor maravilhosa que não paramos de adorar por aqui.
Uma pitadinha dessa cor maravilhosa que não paramos de adorar por aqui.

Mal dá pra acreditar que aí por baixo dessa cor, era só azulejo e que não precisamos quebrar nadinha para esconder ele 😀

Mas isso é história que vamos contar só ano que vem.

Até 2015 😀

Estamos em obra!

Siiiim.

Estamos em obra.

Decidimos reformar nossa cozinha. Apesar de gostar da cozinha toda branca e limpinha e iluminada, decidimos mudar.

Meu marido queria algumas mudança, eu queria outras e decidimos nos dar de presente.

Estipulamos um valor, as prioridades de mudança, o tempo e os nossos desejos para esse ambiente.

Estamos apresentando hoje,nosso diário de bordo de obra para vocês acompanharem junto com a gente essa aventura.

Essa é a nossa cozinha.
Essa é a nossa cozinha.
Temos uma pia com bancada grande mas com  base de alvenaria que não queremos mexer.
Temos uma pia com bancada grande mas com base de alvenaria que não queremos mexer.
Essa é a nossa cozinha vista da sala de jantar e essa é a nossa gatinha Linda.
Essa é a nossa cozinha vista da sala de jantar e essa é a nossa gatinha Linda.
Esse é o nosso balcão-apoio de muitas atividades que fazemos na cozinha e a vista da lavanderia.
Esse é o nosso balcão-apoio de muitas atividades que fazemos na cozinha e a vista da lavanderia.

Essa semana, vamos mostrar todos os processos e fases dessa reforma. Pode ser que demore um pouquinho pois estamos trabalhando muito.

Até mais.